VOZERIA

desordem, tumulto, balbúrdia, alvoroço, bagunça, confusão, algazarra…Vozeria!

O Nome na Porta

Posted by Tiago Di Tullio Freitas em 14/09/2012

O responsável não sabia por onde começar. A bagunça era tanta que a sala nem parecia a mesma. As pessoas ao redor do prédio público comentavam: o que teria acontecido ali?

Fotos esparramadas pelo chão. A investigação seria intensa. Os papéis espalhados um dia fizeram sentido. Agora eram apenas restos e, com sorte, possíveis evidências de que realizara algo importante.

Há oito anos trabalhara ali. Estava para entrar no nono. Não seria mais possível. Porém, não havia corpo. Não havia sangue. Estranho. Assassinato então, não era.

O tempo passou. O nome fixado na porta mudou. A faxina varreu o que restara. Caixas levaram de volta os objetos. Descobriu-se o crime. Suicídio. Mas sem morte. Cada um se enforca como pode.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: